Prev
Next

As burradas da vida

 

Não existe uma fórmula para a vida, nem uma receita que podemos seguir para garantir que tudo dará certo e que faremos as coisas da maneira correta. Às vezes, a gente pisa na bola, faz umas burradas inadmissíveis, e tem vontade de controlar o tempo, para voltar e fazer diferente.

Em muitos momentos a gente se cobra demais, quer acertar sempre de primeira, e por isso, acaba não fazendo, ou pior, remoendo um erro tempo demais. Tentamos, sem sucesso algum, entender os pormenores que fizeram a gente fracassar, e quanto mais pensamos menos coragem criarmos para levantar e tentar de novo.

Mas, como diria Chico Xavier: “Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode recomeçar e fazer um novo fim.”

E, ainda que existam erros que não possam ser concertados, independente do quanto você se arrependa, esses tropeços servem para que a gente descubra o que e quem realmente são importantes. São esses deslizes que nos fazem entender o que realmente fará a diferença na nossa história… E essa é a percepção que nos faz sábios diante da vida. Quanto mais cedo identificarmos, legitimamente, o que e quem nos faz felizes, menos arrependimentos cultivaremos em nosso coração.

Eu não deixo a culpa me consumir, mas eu sei bem o que perdi pelas decisões erradas… Hoje olho para traz e compreendo que, embora sem explicação, sei que tudo que aconteceu definiu quem eu sou.  Por isso, eu vivo em paz com o passado. E se eu pudesse dar um conselho a você, seria esse: faça as pazes com o passado. Não há nada mais corrosivo que a culpa por algo que não tem volta.

Gaste sua sabedoria e energia naquilo que ainda depende de você. Do restante leve apenas as lições, elas tratarão de cultivar o seu futuro.

EE-Colunista-Juliana-Emer

EE-Colunistas-aviso-geral

21 jun 2016

Prev
Next

Marca não é patente

É comum as pessoas confundirem marcas com patentes. Isto é facilmente percebido quando alguém diz, ” vou patentear a minha marca “.

Marca não se patenteia. Marca se registra.

Tanto as marcas quanto as patentes são considerados patrimônios intangíveis e protegidos no Brasil, junto ao INPI/RJ. Porém, são distintos, enquanto o registro de marca protege a identidade de um empresa e seus produtos e serviços, a patente tem por objetivo resguardar o direito sobre a novidade técnica contida em um produto.

A Marca, segundo a lei brasileira, é todo sinal distintivo, visualmente perceptível, que identifica e distingue produtos e serviços de outros análogos, de procedência diversa, bem como certifica a conformidade dos mesmos com determinadas normas ou especificações técnicas.

A patente é um título de propriedade temporário outorgado pelo Estado, por força de lei, ao inventor ou pessoas cujos direitos derivem do mesmo, para excluir terceiros, sem sua prévia autorização, de atos relativos à matéria protegida, tais como fabricação, comercialização, importação, uso, venda, etc. Em função das diferenças existentes entre as patentes, elas poderão se enquadrar como patentes de invenção ou como patentes de modelo de utilidade.

Portanto não confunda, Marca não é Patente!

EE-Colunista-Fernanda-Rauter

EE-Colunistas-aviso-geral

20 mai 2016

Prev
Next

Crer ou Ver?

 

Sabe aquelas perguntas sem resposta, tipo: o que vem primeiro, a galinha ou o ovo? A semente ou a planta? Tem uma delas que me intrigava muito: “ver para crer ou crer para ver?” Como sempre fui uma pessoa muito cética, que precisava de todas as comprovações possíveis para acreditar em algo, me apaguei quase momentaneamente a ideia que era necessário VER PARA CRER. Mas aí vem a vida – em sua máxima sabedoria – e começa a te tirar da zona de conforto e testar as suas teorias. E lembro bem o dia em que a vida me fez testar essa minha crença. Era de noite, eu estava trabalhando em meu negócio próprio, pois durante o dia me dedicava a outra atividade profissional (carteira assinada).

Eu, como 90% das pessoas que querem empreender, estava buscando naquelas poucas horas de dedicação noturna, a segurança de que meu empreendimento daria o retorno necessário para me sustentar. Eu precisava ver resultado, para crer que aquele era o caminho. Só depois disso teria a certeza que largar meu emprego fixo era a decisão mais acertada. Mas a certeza não veio, e o tempo começou a me cobrar forte o fato de me dedicar tão poucas horas ao que eu mais amava fazer. E quem já tomou um relho do tempo, sabe do que eu estou falando: dói. Dá um nó na garganta, o nariz já começa a fechar, dando indício das primeiras lágrimas que estão vindo, como se anunciassem a chegada de uma tropa poderosa. E foi bem assim, naquele dia eu chorei, mas aquele choro foi mais de libertação do que de fracasso. Em meio as minhas lágrimas vi que eu compreendi tudo errado. Nunca foi VER PARA CRER… quem quer seguir seus sonhos precisa CRER PARA VER.

Qualquer sonho, seja ele qual for: abrir um negócio, viajar, emagrecer, se formar, conseguir um novo emprego, construir uma família, ser feliz, abrir uma ONG… precisa iniciar dentro de você, na sua mente e no seu coração. Não existe magia nisso, existe muita ciência. Nosso cérebro não distingue passado, presente e futuro. Se a gente visualiza nosso sonho, se a gente sente nosso sonho, é como se ele já fosse realidade, e aí tudo passa a acontecer, tudo passa a ter sentido.

Tenho poucos conselhos para dar, mas se pudesse compartilhar o meu mais valioso segredo com você, seria esse: ACREDITE PARA VER. Tudo começa dentro de você! Não espere ter a segurança para iniciar o primeiro passo. O momento certo é sempre o AGORA. O sentimento certo é sempre a FÉ. Fé no sonho; fé em você!

EE-Colunista-Juliana-Emer

EE-Colunistas-aviso-geral

04 mai 2016

Prev
Next

A importância do NETWORKING

 

Olá, tudo bem? No artigo deste mês eu vou falar um pouco sobre minha empresa de consultoria e em como uma simples conversa pode mudar, e muito, nossos negócios.

Como sabem, sou gestora do Blend Coworking e sempre tive em paralelo minha empresa de assessoria, mas nada muito formal. Pensando em começar a posicionar melhor minha assessoria no mercado, resolvi conversar com uma cliente que é consultora empresarial e tem sua própria empresa.

E não é que com essa rápida conversa acabamos nos tornando sócias?! Simples assim, eu expus minha necessidade para ela e ela expôs suas dificuldades e, juntas percebemos que se nos uníssemos poderíamos crescer muito mais rápido e oferecer muito mais soluções para nossos clientes.

Eu e a Aline somos as sócias facilitadoras da Aplica Gestão e Qualidade. Trabalhamos com consultoria e assessoria empresarial, nosso objetivo é auxiliar o cliente a encontrar as soluções adequadas para as diversas áreas de gestão da empresa. Trabalhamos de uma forma diferenciada, onde nos mantemos ao lado do cliente durante todo o processo de consultoria.

Mas muito além de apresentar a Aplica, nosso objetivo principal com este texto é mostrar a importância do networking, de manter o relacionamento com as pessoas e de expor as necessidades do seu negócio. Em 5 minutos de conversa eu e a Aline nos deparamos com uma ótima oportunidade de alavancar nossas consultorias e de entregar muito mais resultado para nossos clientes.

Por esse motivo a participação em eventos como o Entre Elas, por exemplo, trabalhar em espaços compartilhados, e manter a rede de relacionamentos ativa é tão importante. É conversando com as pessoas que percebemos as necessidades do mercado e temos insights para nossos negócios. Pessoas compram de pessoas, e nada melhor do que conversar com pessoas para ter novas ideias, formar parcerias e gerar novos negócios.

EE-Colunista-12-Gabriele-Rech

EE-Colunistas-aviso-geral

28 abr 2016

Prev
Next

Entre Elas na Revista Donna / Zero Hora do final de semana 23/24 de Abril de 2016

Entre-Elas-23_04_2016

27 abr 2016

Prev
Next

Entre Elas e as conexões geradas entre o networking na Revista Donna do Zero Hora em Abril de 2016

Entre-Elas-22_04_2016

27 abr 2016

Prev
Next

Dúvidas sobre os Encontros Bimestrais e a Rede Entre Elas

duvidas (1)

A participação em nossos eventos (os Encontros que ocorrem bimestralmente) não está condicionada à pessoa ser participante da Rede Entre Elas. Você pode participar do Encontro sem ser participante da Rede e vice-versa.

*** Os Encontros são eventos organizados pelo projeto Entre Elas para fomentar o empoderamento e o empreendedorismo feminino, assim como proporcionar um momento de inspiração, conteúdo relevante para auxiliar nos negócios/na vida e espaço para as mulheres fazerem networking, fecharem negócios e parcerias. Saiba mais aqui:http://tinyurl.com/EncontrosEntreElas
—-> Inclusive, o próximo encontro ocorre dia 11 de maio, a partir das 19h, na Ftec NH.
Ingressos e mais informações aqui:http://tinyurl.com/EncontroEntreElasMaio

*** E a Rede Entre Elas é uma forma de divulgação para sua marca/empresa por meio do nosso site (funcionando como um catálogo on line) e mais benefícios exclusivos. O catálogo online é sem limites e sem barreira geográfica, é uma vitrine para empresas de empreendedoras serem encontradas por mulheres que querem apoiar os negócios entre as mulheres.
A Rede acontece a partir do momento em que lembramos umas das outras ao contratar um serviço ou comprar um produto. Nós criamos a Rede Entre Elas para que as mulheres possam encontrar produtos e serviços desenvolvidos por mulheres.
No nosso site você encontrará todas as informações sobre a Rede:
http://tinyurl.com/ParticipantesRedeEntreElas
http://tinyurl.com/RedeEntreElas
http://tinyurl.com/FacaParteRedeEntreElas

 

EE-Colunista-03

26 abr 2016

Prev
Next

Transformando ideias em ações!

 

Você já passou por situações em que ideias e projetos não foram transformados em ações? Você já levantou uma oportunidade de melhoria em seu negócio, seja com o seu sócio(a), sua equipe ou até mesmo sozinha e isso acabou ficando apenas no campo das ideias?

Ser criativo é super importante, mas não é o suficiente. Você precisa planejar e executar as ações. Outro dia escrevi um artigo aqui – feito é melhor que perfeito  -  sobre a prática do FAZER, começar mesmo que em uma versão simples – beta – para, a partir daí, ser complementada. Faço novamente essa relação para lembrar que devemos SIM, colocar as ideias em prática se queremos algum resultado. Tenha em mente que se você não fizer nada, não existirão resultados.

Esse artigo tem o propósito de ajudar a transformar ideias em ações, apresentando uma ferramenta muito simples, mas valiosa!

A ferramenta que estou me referindo é chamada de Kanban Flow, que serve basicamente para que você e/ou sua equipe possam visualizar de maneira concreta o andamento das ações e saber o estágio em que elas estão.

A partir do momento em que você expõe neste canvas as ideias, você pode acompanhar o andamento delas e, óbvio, se comprometer em fazê-las avançar para as próximas etapas.

O KanBan Flow consiste em quatro colunas na seguinte sequência: Ideias, Ações Iniciadas, Ações em Andamento e Ações Concluídas.

Como ideias compreende-se as oportunidades de melhoria, os insights que possam surgir a qualquer momento e que de maneira alguma devem ser perdidas ou esquecidas. Uma ideia passa para a coluna ação iniciada no momento em que ela é organizada e planejada para a implantação imediata. Quando essa ação tiver sido implantada e alguma etapa já estiver concluída poderá passar para a coluna seguinte, ação em Andamento. Por fim, uma ação só deve passar adiante, para a coluna ação concluída quando estiver de fato totalmente implantada.

apipa imagem entre elas

A grande sacada é deixar esse quadro impresso, fixado em local visível. Para a transição das ideias e ações você poderá utilizar etiquetas adesivas (post-it’s).

“Você nunca sabe que resultados virão da sua ação. Mas se você não fizer nada, não existirão resultados.” Mahatma Gandhi

Se você quiser receber este material e outras ferramentas ágeis de planejamento para impressão é só enviar um e-mail para contato@apipaconsultoria.com que teremos o prazer de compartilhar com você!

 

Cíntia Schenkel Mertins | Consultora de Marketing | Apipa Consultoria

EE-Colunista-Cíntia-Schenkel

EE-Colunistas-aviso-geral

22 abr 2016

Prev
Next

Encontro Entre Elas Maio – Você compra seu ingresso e leva sua mãe junto!!!

O Encontro do Entre Elas de maio acontece dia 11, a partir das 19h, na Ftec NH.

E, em comemoração ao Dia Das Mães, você compra seu ingresso para o evento de maio e poderá levar a sua mãe junto, sem custo nenhum, para curtir o Encontro do Entre Elas com você! Isto vale para mãe biológica, adotiva ou mãe do coração (no caso de criação por avó ou tia).

A História Empreendedora será com a equipe da PetPapá, Maria da Graça Rõnnau e Aline Taís da Rosa, empresa especializada em comida natural congelada para cães e gatos – proporcionando saúde e bem-estar para nossos amigos de quatro patas.

EntreElas-MAIO-2016-he

E a palestra da noite será: O poder do Hábito com Helena S. Schmidt, Coach certificada ACC (Associate Certified Coach) pela ICF – International Coaching Federation, com mais de 350 horas de atendimento. Trabalha na área de desenvolvimento humano desde 2010, criando projetos únicos para cada cliente dentro de uma gama de serviços. Formada em Administração de Empresas e Marketing pela University of Miami, Helena morou dez anos nos Estados Unidos, agregando experiências diferenciadas, assim como a fluência em Inglês e Espanhol. Retornando ao Brasil, trabalhou por cinco anos na área financeira e internacional da empresa da família, quando então iniciou sua carreira em desenvolvimento humano. Hoje soma estas vivências às várias formações na área, incluindo coaching na Erickson College – Canadá, “From Generation to Generation” Harvard – EUA, analista de Perfil PI®, facilitadora do processo de Imunidade a Mudança (Minds at Work – Harvard), especialista em Terapia Sistêmica Familiar, integrante do comitê de Governança Corporativa da ACI-NH, entre outras, atendendo empresas familiares, empreendedores, e pessoas físicas com o mesmo foco: criar um projeto único de desenvolvimento para cada cliente. No presente momento, Helena é uma dos cinco coaches certificados pela ICF no Rio Grande do Sul.

EntreElas-MAIO-2016-palestra

Confira o vídeo que Helena Schmidt para contar um pouco sobre o que vai abordar na palestra:

Após, teremos o sorteio de presentes, o momento de networking com um delicioso coffee.

Venha preparada para se inspirar, adquirir conhecimento, se empoderar e conhecer mulheres incríveis. E, não esqueça, traga seus cartões de visita para o momento de networking.

Como acontece:
19:00 – Welcome Coffee
19:30 – História Empreendedora
20:15 – Palestra
21:15 – Sorteios + Momento Networking + Coffee Delicioso
22:00 – Encerramento

Data: 11/05
Horário: 19h às 21h45m
Local: Ftec (Rua Silveira Martins,780, Centro – Novo Hamburgo)

CHAMADA INGRESSO SITE

EE-Colunista-03

 

 

19 abr 2016

Prev
Next

História Empreendedora O Amor é Simples

Conheça a História Empreendedora da equipe do “O Amor é Simples” que participou do nosso Encontro de março.

* Nome: Janaína Pasin, Laís Ribeiro e Natalia Pegoraro

* Idade: 28 anos

* Formação/currículo que será usado para sua apresentação/divulgação:
Janaina Kafer Pasin
Administradora de Empresas (PUCRS) especialista em Finanças e Economia (UFRGS). Ha 6 anos apoia empresas de todos os portes e diversos setores da economia atuando como consultora de Gestão (Banco do Estado do Rio Grande do Sul (Banrisul), Sport Clube Internacional, Drebes e Cia Ltda (Lojas Lebes), Banco De Lage Landen Brasil, Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos, entre outras).

Laís Ribeiro
Relações Públicas (UFRGS) e mestre em comunicação e inovação (Universidad de Málaga). Mais de 5 anos de experiência em Markerting Digital. Já passou empresas como Grupo RBS,3yz e BRX Brands. 

Natalia Pegoraro
Relações Públicas (UFRGS) e Especialista em Marketing pela FGV. Atua há oito anos com comunicação e estratégia digital em agências de publicidade e já trabalhou com clientes como Olympikus, Reebok, Dumond, Neugebauer, Unisinos e Lojas Pompéia.

* Negócio(s): E-commerce voltado ao mercado de casamento O Amor é Simples – www.oamoresimples.com.br

* Cidade e estado?  Porto Alegre/RS

* Há quanto tempo você é empreendedora?  2 anos

* O que te motivou a ter um negócio próprio?
O que nos motivou foi a ideia da marca: criar vestidos de noiva mais simples, não convencionais e a preços justos. Sentimos esta necessidade porque uma das sócias queria casar e não encontrava nenhum modelo mais simples, acreditamos muito na ideia e decidimos construí-la do zero.

* Quais os maiores benefícios da escolha de ter um negócio?
Acreditamos que é o fato de podermos tomar decisões e criar em cima do negócio, é um desafio constante e isso nos motiva constantemente a fazer e inovar mais. Além disso, criar uma marca com um propósito bacana, acreditar e ver que ela faz a diferença é muito gratificante.

* Quais as maiores dificuldades da escolha de ter um negócio?
A primeira é, sem dúvida, a questão financeira. Começar um negócio com pouco aporte é um grande limitador e decisões que envolver dinheiro estão presentes o tempo todo, é sempre uma constante. Além disso, há toda a questão legal e tributária, tivemos que estudar e aprender antes de colocar tudo no ar.

* Conte como foi sua trajetória e o que você acredita que possa motivar outras mulheres a seguirem seus sonhos:
Nós três passamos por empresas e agências antes de decidirmos pelo empreendedorismo. Tínhamos bons empregos, reconhecimento e estabilidade. Poderíamos ter continuado por este caminho; mas acreditar na nossa ideia, confiar em nosso potencial e não ter medo de arriscar, de fazer, de meter a cara foi fundamental tanto no lado profissional – já que hoje temos um negócio se consolidando nacionalmente, quanto no nível pessoal – tivemos que amadurecer, criar coragem, não ter medo, sermos resilientes. O ganho é muito grande e muito compensador. Claro que o medo está sempre presente, mas a gente não deixa que ele nos segue ou paralise, pelo contrário, ele nos motiva a fazer diferente, criar novas estratégias e alcançar novas conqusitas.

* Qual a principal dica que você gostaria de compartilhar com outras empreendedoras?
Nós diríamos para acreditar na colaboração. Hoje em dias parcerias são importantes para qualquer negócio e todo mundo por ganhar com isso.  Nós temos algumas expertises e, claro, não temos inúmeras outras. Não encaramos como fraqueza e acreditamos muito no poder do trabalho colaborativo. Com isso, estamos sempre em busca de novas parcerias profissionais com pessoas que complementem nosso conhecimento, projeto ou negócio.

Quando todo mundo ganha, fica ainda mais delicioso empreender. Pelas conexões, aprendizados, descobertas e entender que se é mais forte em conjunto.

* Tem algum conselho do que FAZER ou JAMAIS FAZER?
Sobre fazer é: faça, ter ideias do papel, vá para ação. Se não o tempo passa, a empolgação se perde e a ideia fica engavetada. Ver um projeto na rua é o melhor motivador para tirar o próximo do papel.

* Se tiver algum pensamento/frase que rege sua vida empreendedora, compartilhe com a gente. Deixe uma mensagem:
Acredite sempre!

* Escreva seus contatos:
Contato@oamoresimples.com.br
www.oamoresimples.com.br

18 abr 2016